O Day Trade é uma modalidade de investimento muito atrativa graças à sua rentabilidade que se dá a curto prazo. O empresário Júlio Cesar Hintemann Filho comenta, dessa forma, que muitas pessoas acreditam ser uma modalidade para corajosos, no entanto, ele acredita que para fazer esse tipo de investimento na Bolsa de Valores deve-se ter mais habilidades e conhecimentos do que coragem.

Afinal, o que é Day Trade?

Antes de mais nada, é necessário entender, afinal, o que é Day Trade: nada mais é que operações de compra e venda de ações no mesmo dia, as quais são realizadas na bolsa de valores. É por esse motivo que é uma modalidade de investimento de curto prazo, na qual as análises de mercado acontecem, consequentemente de maneira rápida, já que as oscilações de preço também são constantes e velozes.

 Dessa forma, Júlio Cesar Hintemann Filho explica que day trader é aquele investidor que compra e vende ações com uma única finalidade: obter lucro. Sendo assim, se você quer ser um investidor arrojado, sem medo de arriscar, se tornar um day trader pode ser um ótimo caminho para que você tenha ótimos resultados no mercado financeiro e uma vida bastante confortável como consequência. 

Mas então, como se tornar um day trader?

Se você já faz investimentos em renda fixa ou variável, certamente já ouviu falar e talvez até entenda um pouco sobre o Day Trade. Mas se você é uma pessoa que está entrando no mundo dos investimentos agora e é, por enquanto, apenas um curioso no assunto, não tem problema. Isso porque os passos para se tornar um day trader são os mesmos. Confira:

  1. Entenda qual é o seu perfil investidor

Quando se fala em investimentos, existem três grandes perfis de quem investe: o investidor conservador, moderado e arrojado. Júlio Cesar Hintemann Filho explica que o primeiro diz respeito àqueles investidores que fazem operações sem grandes riscos, o segundo remete aqueles que, como o nome sugere, buscam o equilíbrio entre operações de baixo e alto risco, e o terceiro é aquele que faz operações de alto risco no mercado, como é o caso do Day Trade. 

Desse modo, se você ainda não se considera um investidor arrojado e não faz operações de alto risco, você possui duas opções: repensar se quer operar como day trader ou trabalhar para se tornar um investidor que não tenha medo de arriscar nesse sentido.

  1. Estude e seja analítico

Sendo assim, Júlio Cesar Hintemann Filho explica que após entender seu perfil, você precisará buscar conhecimentos que te façam analisar o mercado de maneira mais criteriosa. Isso porque o Day Trade exige análises assertivas e rápidas para que não se perca dinheiro nas operações.

  1. Entenda a plataforma de operações

Outro ponto muito importante para se tornar um day trader é entender e aprender a utilizar a plataforma onde ocorrerão as operações. Isso porque, se você der um clique errado ou não ter agilidade para fazer tais cliques, você pode perder oportunidades e até mesmo dinheiro.

  1. Seja forte emocionalmente

Por fim, mas não menos importante, Júlio Cesar Hintemann Filho explica que ter habilidade emocional é outro ponto super importante, uma vez que essa forma de investimento mexe muito com a mente daqueles que investem. Isso porque seu dinheiro pode entrar em constantes riscos e às vezes algumas perdas serão inevitáveis. Por isso, não saber lidar com esse fato pode acabar dificultando seu sucesso nessa modalidade de investimento.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui