O presidente Jair Bolsonaro citou durante transmissão ao vivo nesta quinta-feira, 5, que estuda investir em maneiras alternativas de votação para as próximas eleições presidenciais no Brasil. “A gente espera no ano que vem mergulhar na Câmara, no Senado, para que a gente possa ter um sistema eleitoral confiável em 22”, afirmou, citando uma proposta de emenda constitucional feita pela deputada federal Bia Kicis, do PSL, para instituição de voto impresso no país. “[A proposta] pode ser aproveitada, voltando aí o voto impresso, que é a maneira que você tem de contar, de auditar, contar os votos de verdade aqui. Então devemos sim ver aí o que acontece em outros países e buscar um sistema onde seja confiável”, afirmou o presidente, que não citou polêmicas envolvendo as eleições nos EUA . Na manhã desta quinta, Bolsonaro reforçou apoio ao candidato Donald Trump, mas pontuou que o país deve focar em eleições municipais.

O presidente falou, ainda, sobre uma proposta para federalizar a ilha de Fernando de Noronha, hoje em propriedade do governo do estado de Pernambuco. “Vamo tentar, se for possível a gente federalizar Fernando de Noronha, fazer realmente um polo turístico. Não pode aquela ilha ter dono”, disse, respaldado pelo secretário de Aquicultura e Pesca do governo, Jorge Seif Junior, que disse que “Noronha não é a Cuba brasileira”. Ao longo da live, Bolsonaro tomou o guaraná Jesus, do Maranhão, que fez com que ele se tornasse alvo de polêmicas após relacionar a cor do refrigerante à homossexualidade em uma viagem ao estado, e sugeriu nomes para eleições municipais ao redor do país.

Ele criticou o atual governador de São Paulo, João Doria, ao aconselhar o nome de Celso Russomanno (Republicanos) como sugestão para prefeitura da capital, defendeu a candidata ao cargo de vereadora de Angra dos Reis, Wal Bolsonaro, servidora envolvida em polêmica no ano de 2018, e citou o nome do filho Carlos Bolsonaro, que segundo ele é “terrivelmente perseguido pela mídia”, como sugestão de nome para o cargo de vereador do Rio de Janeiro. Na live, Bolsonaro falou também sobre visita ao estado do Alagoas, onde inaugurou obras hídricas nesta quinta, e anunciou ida à cidade de Florianópolis nesta sexta-feira.