Milhares de apoiadores do presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, protestaram neste sábado, 14, no centro de Washington, contra uma suposta fraude eleitoral que denunciam – sem provas. Desde cedo, apoiadores de Trump foram às ruas que levam à Freedom Plaza, ao lado da Casa Branca, usando chapéus e camisetas da campanha eleitoral do republicano.

Pouco depois das 10h (horário local; 12h em Brasília), o carro de Trump apareceu na Avenida Pensilvânia, ao lado da praça, de onde saudou os manifestantes que estavam reunidos naquele momento no local, onde a manifestação começou pouco depois do meio-dia. O mandatário, que ainda não reconheceu a virtual vitória do democrata Joe Biden nas eleições, sorriu e acenou de seu veículo para seus apoiadores. Muitos dos manifestantes não estavam usando máscaras faciais para se protegerem do contágio do novo coronavírus. O protesto ocorreu em meio a um grande esquema policial, pois também foi convocada para este sábado uma manifestação na Praça da Liberdade, organizada pelo grupo Refuse Racism, para “se opor à tentativa de Trump de roubar a eleições”.

*Com informações da EFE