Os candidatos Amazonino Mendes (Podemos) e David Almeida (Avante) disputarão a Prefeitura de Manaus no segundo turno das eleições municipais. O candidato do Podemos obteve 23,91% dos votos válidos. Enquanto isso, o segundo colocado David Almeida, conquistou 22,36% dos votos válidos. Com 14,29% dos votos, a terceira posição foi ocupada por Zé Ricardo (PT). Ricardo Nicolau (PSD) teve 12,08%, Coronel Menezes (Patriota), 11,32%, Capitão Alberto Neto (Republicanos), 7,82%, Alfredo Nascimento (PL), 3,23%, e Romero Reis (Novo), 2,98%. Marcelo Amil (PCdoB) e Gilberto Vasconcelos (PSTU) tiveram menos de 1%. Chico Preto (DC) teve 1,65%, “anulados sob judice”, ou seja, não puderam ser contabilizados após o resultado do pleito. Os manauenses decidirão o próximo prefeito do município no dia 29 de novembro, quando acontece o segundo turno das eleições.

Essa não é a primeira vez que Amazonino Mendes disputa a Prefeitura de Manaus. Com experiência na carreira política desde 1983, o candidato do Podemos já foi três vezes prefeito de Manaus e governador do Amazonas. Também exerceu o cargo de senador pelo Amazonas. O nome lançado pelo Avante ao pleito municipal já foi deputado estadual por três mandatos consecutivos, presidente da Assembleia Legislativa do Estado do Amazonas e governador interino do Amazonas após a cassação de José Melo de Oliveira e seu vice pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE).