Um carro atingiu cinco pedestres que estavam em uma calçada no bairro de Stamford Hill, em Londres. Todos eles foram feridos, mas apenas um gravemente. O acidente aconteceu nesta sexta-feira, 11, às 9h30 do horário local. Apesar da área abrigar uma grande comunidade judaica, a polícia não acredita que os atropelamentos tenham sido intencionais, descartando assim a possibilidade de se tratar de um atentado terrorista. De qualquer forma, as autoridades locais ainda estão investigando o que aconteceu. Segundo o jornal The Guardian, o motorista  patrabalha nas proximidades e alegou que os seus freios falharam. Testemunhas acrescentaram que o homem ficou em estado de choque após atingir as vítimas. O veículo em questão, um Toyota prata, teve o capô amassado e para-brisa quebrado. Um ponto de ônibus foi danificado durante o acidente, assim como outro carro que estava estacionado.

O suposto acidente no Reino Unido acontece pouco mais de uma semana depois de um atropelamento intencional na cidade de Trier, na Alemanha. Nesse caso, o motorista invadiu uma área exclusiva para pedestres e dirigiu em ziguezague por centenas de metros, causando a morte de cinco pessoas, entre elas um bebê. O homem, um alemão de 51 anos de idade, foi preso, mas o motivo do crime ainda não foi esclarecido.

*Com informações de agências internacionais