<span class="hidden">–</span>CAPRICHO/Sestini/Reprodução

Mulher-Maravilha 1948 foi um sucesso, o que é fato. Só no primeiro final de semana de exibição nos Estados Unidos, o filme já arrecadou US$ 16,7 milhões – cerca de R$ 88 milhões de reais. Aproveitando o embalo, a Warner anunciou o terceiro, e infelizmente último, filme da franquia. Yay! 

Para a revista Variety, Tom Emmerich, executivo do estúdio, confirmou a produção e a participação de Gal Gadot mais uma vez ao lado da diretora  Patty Jenkings.

A produção do terceiro filme era duvidosa, mas como o último lançamento alcançou as expectativas, disponível nos cinemas e na HBO Max, seremos agraciados com a continuação que, na verdade, finaliza a história de Diana.

“Enquanto fãs no mundo todo continuam gostando de Diana Prince, garantindo um forte desempenho no final de semana de estreia de ‘Mulher-Maravilha 1984’, estamos animados por anunciar que continuaremos a história dela com nossas Mulheres-Maravilha da vida real — Gal e Patty —, que vão voltar para concluir a tão esperada trilogia cinematográfica“, revelou o executivo.

O terceiro filme de Mulher-Maravilha será lançado apenas nos cinemas, de maneira tradicional. Porém, a Warner prometeu para os filmes lançados em 2021 estreia simultânea na plataforma de streaming e nos cinema. 

Continua após a publicidade

Confira o trailer de Mulher-Maravilha 1948:

Mal podemos esperar para o desfecho dessa história que inspirou tantas mulheres.

 

 

Continua após a publicidade