<span class="hidden">–</span>CAPRICHO/Sestini/Reprodução

Eita, gente! Larissa Manoela foi centro de uma polêmica. Tudo começou quando Luísa Mell trouxe à tona que a atriz teria doado a cachorrinha Vitória Regina, uma vira-lata que Lari adotou do instituto da ativista. Luísa se posicionou sobre o caso e expôs a sua opinião sobre o assunto.

“Confesso que fiquei muito triste quando vi a notícia da Internet e com a resposta da assessoria de imprensa de Larissa Manoela, que alegou que, por compromissos profissionais, a Larissa não tinha tempo de cuidar da Vitória. Mas fiquei mais triste ainda por saber que ela tem outros cães, todos de raça e apenas a vira-lata Vitória foi doada”, desabafou Mell.

A ativista explicou sobre a história de abandono e negligência da pet antes da adoção e como o bichinho teria que passar por isso de novo. Por fim, aconselhou Larissa: “Dizem que na juventude aprendemos, mas apenas na maturidade compreendemos. Larissa Manoela, de coração, admiro a sua história, sua garra, suas conquistas merecidas, mas espero que em breve você compreenda o que essa atitude representa e o exemplo que você pode ter dado aos seus fãs que, como você, estão aprendendo na juventude”.

Ao mesmo tempo, a atriz usou os Stories para dar a sua versão dos fatos. “Eu vim esclarecer de uma vez por todas que eu não abandonei a cachorrinha que adotei. Tem algumas pessoas que leram matérias e se aprofundaram sem nem saber da verdade do que realmente aconteceu”, pontuou.

Lari garantiu que não fazia distinção de Vitória perto de seus outros cachorrinhos. “Eu tenho outros cachorros que são vira-latas e eu não faço distinção entre eles. A Vitória Regina está com uma pessoa de extrema confiança minha, porque ela não se adaptou sem mim, com a minha ausência e começou a ficar muito tristinha, deprimida, a brigar com os outros cachorros, não estava comendo direito”, esclareceu.

Então, a artista contou que a decisão de doar o pet foi única e exclusivamente pensando no bem-estar dele. “Aceitei a ajuda da Roberta [Gasparini], que se prontificou a cuidar da Vitória para im. Ela é minha amiga de anos. A Vitória está sendo superbem tratada, tenho notícias dela sempre e a Roberta não tem outro animal”, afirmou. Por fim, deixou um pedido: “Parem de destilar ódio pra cima de mim, pra cima da Roberta. Foi um ato de amor que a gente fez pela Vitória Regina. Ela recebe muito carinho, muito amor e está muito feliz com suas duas mamães”.

E aí, o que você achou de toda essa situação?

Continua após a publicidade