Carla Maria Silva Maia é uma empresária de sucesso, chegando até a assessorar o Governo Português na estruturação de estratégias para conduzir novos investidores para o país. Ela conta que, ao longo dos anos, as mulheres precisaram trabalhar muito mais para garantir um posto minimamente igualitário e um status na sociedade.

Mas hoje em dia não é mais tão surpreendente que o número de mulheres empreendedoras tenha aumentado muito, principalmente em Portugal, tornando a sociedade mais justa e igualitária, mesmo que os juros sejam mais altos. Além de gerar empregos e impulsionar o mercado, o empreendedorismo feminino é capaz de aumentar a renda de mulheres, o que consequentemente faz com que sejam independentes e donas de si.

Carla Maia conta que a sociedade portuguesa está muito mais acessível a economias sustentáveis e empreendedorismo feminino. As mulheres estão deixando, aos poucos, de investir somente em carreiras típicas para optar por uma vida diferente, lutando pelo fim da disciminação salarial e pela evolução na carreira. Ao empreender, as mulheres se tornam protagonistas da própria vida e conseguem formar uma “onda” para impulsionar outras mulheres a seguir o mesmo.

Então, despertar e estimular o empreendedorismo feminino é crucial para uma sociedade mais justa e igualitária. Para muitas mulheres portuguesas, o sucesso tem pouco a ver com dinheiro, tem a ver com poder gerir a rotina da melhor forma possível através do próprio esforço, inspirando e contribuindo com outras pessoas.

É por isso que Carla Maria Silva Maia construiu sua carreira investindo no que mais acreditava, sem trazer a renda somente para si, mas investindo cada vez mais em projetos que pudessem gerar mais empregos aos portugueses e apoiando projetos humanitários, sempre com a visão de valorizar o ambiente de trabalho para todos.

Então, o empreendedorismo gera mais empregos e oportunidades, para que as mulheres possam sempre acreditar em si mesmas e correr atrás do que acreditam, impulsionando novos negócios e se destacando por outros fatores além dos óbvios.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui